Arrecadação de fundos para combater o coronavírus: como ajudar no combate

two men and a boy loading a truck
| 9 min read Promoção de campanhas

Com tanta incerteza e preocupação a respeito do novo coronavírus, é fácil sentir-se impotente. No entanto, há algo que todos podemos fazer para ajudar na luta contra ele. Além de cuidar da nossa segurança e seguir as orientações dos especialistas da área de saúde, podemos todos fazer a nossa parte para conseguir ajuda para as pessoas e para as regiões que foram afetadas. 

Ao arrecadar fundos para ajudar no alívio contra o coronavirus, todos podemos fazer a nossa parte e oferecer o auxílio e o suporte tão necessários nesse momento. Com o crescente número de áreas em quarentena, as pessoas que vivem nessas áreas precisam de ajuda médica essencial e itens de uso diário para enfrentar essa nova ameaça.

Comece uma GoFundMe

O que é coronavírus e como garantir a sua segurança?

A única certeza neste momento sobre o coronavírus (COVID-19) é que ele é uma infecção respiratória que pode ser transmitida entre as pessoas. Além disso, os cientistas ainda estão investigando outros fatores sobre a doença e a disseminação dela. Por esse motivo, é importante contar com o aconselhamento de especialistas de saúde e desconfiar das informações erradas que estão circulando por aí, tais como as curas e formas não comprovadas de combater a doença. 

Para informar-se sobre os fatos do coronavírus, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) é uma ótima fonte. Até o momento, o CDC disponibilizou inúmeros recursos com informações atualizadas sobre a doença e até mesmo os passos para a prevenção contra ela. É bom lembrar também das dicas básicas de limpeza que podem reduzir o risco de contrair a doença, tais como lavar as mãos com frequência, não tocar no rosto e não participar de eventos ou frequentar áreas lotadas. 

Caso queira implementar medidas extras para reduzir o risco de exposição, consulte os comunicados sobre viagens do CDC, que trazem informações sobre regiões de alto risco. Quando tiver certeza de que está tomando as medidas necessárias para reduzir o seu próprio risco, pense em ajudar outras pessoas que talvez não tenham tantas opções quanto você.

Por que é importante oferecer apoio às pessoas afetadas pelo COVID-19?

O impacto do coronavírus estendeu-se para além daqueles que foram infectados. Comunidades inteiras agora enfrentam bloqueios de emergência e, só na Itália, mais de 16 milhões de pessoas foram colocadas em quarentena na tentativa de impedir que a doença se espalhe ainda mais. 

Com um número tão impressionante de pessoas em quarentena e mais outras adoecendo, as necessidades vão se somando. Tudo, de itens básicos, como alimentos, a assistência financeira para pagar aluguéis, é urgente, pois as pessoas estão perdendo seus salários por conta da doença ou das restrições impostas pela quarentena. Para aqueles que já estão doentes, as despesas com saúde tornaram-se um peso extra. 

Em países como os Estados Unidos, onde nem todos têm acesso a um plano de saúde, precisa-se desesperadamente de ajuda financeira em relação ao coronavírus para garantir que as pessoas não evitem procurar tratamento ou fazer os exames por não terem plano de saúde. No entanto, mesmo em países que oferecem assistência irrestrita à saúde, a grande surpresa gerada por essa nova ameaça levou a um enorme esforço para arrecadar dinheiro para minimizar a situação gerada pelo coronavírus, provocado pela crescente demanda por suprimentos e equipamentos de saúde.  

Como a ameaça desta doença vem aumentando e pressionando cada vez mais as comunidades, veja aqui algumas ações que todos podemos considerar tomar para ajudar a aliviar a situação:

1. Apoiar diretamente as pessoas afetadas pelo vírus

À medida que a crise ganha maiores proporções, aumentam também os efeitos negativos para a saúde das pessoas e de suas finanças, no entanto, todos podemos fazer a nossa parte para ajudar aqueles que foram afetados. Veja como você pode ajudar fazendo uma doação direta para campanhas relacionadas as COVID-19:

Despesas diárias

Aqueles que trabalham recebendo por hora e as pessoas que não dispõem de tempo para licença remunerada estão entre os mais vulneráveis aos efeitos financeiros negativos da pandemia. Sem terem como cobrir as despesas, esses trabalhadores ficarão, inevitavelmente, devendo o aluguel e outras contas fixas. Por esse motivo, é importante antecipar-se à crise e começar oferece ajuda a essas pessoas.

Alimentos, água e outros itens básicos

As famílias de baixa renda já vivem sobrecarregadas nos tempos de calmaria, mas essa nova ameaça faz com que seja ainda mais importante prestar assistência financeira imediata a essas famílias. 

Tratamento de saúde, medicamentos e equipamentos de emergência

À medida que aumenta a tensão na economia e mais pessoas são afetadas pela pressão financeira, a capacidade que elas têm de pagar por remédios e tratamentos torna-se um obstáculo real na busca pela cura. Como resultado, as pessoas já deram início, na GoFundMe, aos seus esforços para arrecadação de fundos para o problema do COVID-19 e você pode fazer a sua parte apoiando financeiramente, e de forma direta, as campanhas, tais como os exemplos listados abaixo. 

Esses são apenas alguns exemplos de como as pessoas estão tentando se ajudar durante essa crise. Na GoFundMe, há vários outros grandes atos de bondade. Para encontrar mais campanhas como as que mencionamos acima, consulte a nossa central para assuntos relacionados ao COVID-19. 

Fazer doações diretas para essas campanhas pode proporcionar o apoio financeiro imediato que essas famílias e indivíduos precisam para superar essa crise. Embora doar para instituições beneficentes ou campanhas comunitárias seja também uma ótima opção, as campanhas para os indivíduos podem ser a melhor maneira de garantir que as pessoas recebam o dinheiro necessário para alívio imediato.

2. Monte pacotes com itens importantes

Embora todos devam tomar precauções, algumas pessoas em nossas comunidades podem estar correndo maior risco por serem idosas ou terem problemas de saúde preexistentes. Para as pessoas que não conseguem se locomover com facilidade devido a problemas preexistentes, a preparação para uma possível quarentena pode ser muito mais difícil. Para ajudar essas pessoas, monte pacotes com itens importantes para ajudá-las a reduzir o risco de exposição. 

Voluntários de Chicago fizeram exatamente isso quando decidiram montar pacotes com itens importantes para os idosos. Enquanto a ameaça do COVID-19 aumentava, esses voluntários agiram e elaboraram um plano para enviar suprimentos às pessoas que precisam de mais ajuda durante esse período de crise. 

Caso queira fazer isso sozinho, mas não saiba por onde começar, experimente entrar em contato com uma instituição beneficente da região e perguntar se eles gostariam de fazer parceria com você. As instituições beneficentes talvez já estejam trabalhando em algumas ações, portanto, seria uma ótima oportunidade de oferecer-se como voluntário para trabalhar com elas.

3. Comece uma campanha para você mesmo ou para alguém que você conheça

Outra ótima maneira de apoio é criar campanhas para pessoas que precisam. Criando uma campanha para alguém que precise de ajuda, você pode ajudar essa pessoa a superar os obstáculos que ela talvez esteja enfrentando devido à disseminação do COVID-19. Criar uma GoFundMe é apenas uma maneira de fazer isso, mas você pode também buscar outras plataformas de crowdfunding para encontrar a que melhor se adeque ao que você quer. 

Obviamente, se é você quem precisa de ajuda, convém iniciar uma campanha em benefício próprio. Talvez alguém da sua família esteja doente, ou você tenha que cuidar de crianças ou até fique desempregado por conta das medidas de quarentena adotadas na sua região. Ainda hoje, alguns poucos meses após a descoberta da doença, há centenas de campanhas que as pessoas criaram e muitas atuam em benefício próprio. Se você estiver em uma região em quarentena ou precisar de recursos de emergência para se preparar, criar uma campanha e pedir ajuda pode fazer toda a diferença.

4. Faça doações para organizações ou instituições

Outra ótima maneira de ajudar é apoiar as organizações que estão empregando esforços para socorrer as pessoas e as comunidades afetadas pelo coronavírus. Ao contribuir com as instituições beneficentes que lidam com o impacto do coronavírus, você pode trabalhar diretamente para arrecadar fundos para o problema do COVID-19 em uma escala maior. 

Caso queira encontrar instituições beneficentes próximas de você, experimente entrar em contato com organizações que normalmente oferecem ao público itens básicos como alimentos, água e produtos de higiene pessoal. Se não souber por onde começar, procure online um diretório sem fins lucrativos e entre em contato com instituições beneficentes que se encaixem com o que você deseja.

Se não puder doar nenhum item ou quiser criar a sua própria campanha beneficente, comece uma campanha para angariar apoio para uma instituição beneficente da região. Com a GoFundMe, você pode encontrar organizações sem fins lucrativos da região e começar a arrecadar fundos no nome dela. 

Tome uma atitude hoje mesmo

Comece um crowdfunding para combater o coronavírus ou encontre outras maneiras de ajudar aqueles que foram afetados por ele. Tomar a frente e ajudar agora é fundamental para garantir que todos estejam preparados para o que vier adiante. Não importa se optar pelas campanhas de arrecadação de fundos, como a GoFundMe, ou preferir arrecadar suprimentos para doar, o importante é agir agora para dar início ao processo de arrecadação de fundos relacionado ao coronavírus.

Comece uma campanha