Não me vais derrubar "Maldita Anorexia" - Mariana

Olá sou a Mariana e tenho anorexia...Tenho vergonha de ter tal doença? Não claro que não pois por tão mau que isso seja tornou me numa pessoa mais forte! Foi uma escolha minha? Não! Claro que não! Distúrbios alimentares não são uma brincadeira, eu nunca na minha vida me iria imaginar a ter medo dos alimentos pois sempre fui uma pessoa que adorou comer. Às vezes tenho uma enorme vontade de desistir mas tenho a minha família ao meu lado que sempre me apoiaram em todas as situações.
Isto é uma luta que parece não ter fim, a magreza nunca foi uma escolha minha. Nunca estou sozinha pois tenho esta voz que tenho na cabeça que fala comigo 24/7, eu quero me ver livre dela mas ela domina me imenso. Eu estive à beira da morte, fiquei sem o período durante 8 meses. Tinha o estômago do tamanho de uma ervilha e os meus órgãos estavam a parar de funcionar, cheguei a pesar 38 kilos, quando o meu peso era 57 quando a minha altura é de 1,60. Neste momento encontro me com 43 kilos. Mas claro que eu parecia melhor assim pois andava com um sorriso falso na cara e estava dentro do padrão de beleza. Mas a magreza não trás felicidade, a mim não me trouxe pelo contrário tornou me numa pessoa depressiva e se me contassem que eu iria passar por isto tudo eu não acreditaria. Tive 2 internamentos em que no primeiro fiquei 47 dias sem poder falar com os meus amigos e só ver os meus pais 1 vez por semana, fiquei assim durante 3 dias, regressei a casa com mais 8 kilos e claro que a frustração era enorme, já não me sentia magra... então o ciclo voltou, deixei de comer perdi 2 kilos em 1 uma semana e voltei para o 2 internamento desta vez fiquei uma semana a soro e fiquei internada durante 3 semanas sem poder ver a minha família devido ao covid. Regressei a casa e o ciclo voltou a regressar, deixei de seguir o meu plano alimentar e comer é uma frustração para mim e aqui vou eu para o meu 3 internamento mas vai ser completamente diferente, vai ser no mínimo 3 a 4 meses numa clínica particular que tem pelo nome de villaramadas Alcobaça.
Eu quero melhorar, quero voltar a ser a Mariana que era e que sorria para a vida, adorava passar o tempo com família e amigos que não via a comida como um inimigo e que simplesmente desfrutava da vida Por isso peço vos que divulguem esta minha publicação para que me possam ajudar, pois a minha mãe encontra-se desempregada e o pouco que o meu pai tem está a investir em mim, não sei o tempo que irei ficar mas foi-me dito que o mínimo seria 4 meses e os custos é muito avultado (11 514 euros) isto se não ficar mais tempo. 
Agradeço desde já aos que me poderem ajudar e fica uma dica para quem pensa que tem tudo controlado, olhem que por vezes é um engano quando damos por nós estamos no fundo do poço sem corda para podermos subir, pesão ajuda enquanto é tempo pois esta doença é mais perigosa do que muitos pensão.

Mariana André
  • Edgar Az 
    • €5 
    • há 18 dias
  • Anônimo 
    • €10 
    • há um mês
  • António Henrik Teixeira dos Santos  
    • €40 
    • há um mês
  • Anabela Saraiva  
    • €50 
    • há um mês
  • André Cruz  
    • €5 
    • há um mês
Ver todas

Organizadora

Mariana André 
Organizadora
Porches
  • A maior plataforma de arrecadação de fundos do mundo

    Mais pessoas começam campanhas no GoFundMe do que em qualquer outra plataforma. Saiba mais.

  • Garantia GoFundMe

    Nas raras situações em que algo não der certo, trabalharemos com você para determinar se houve mau uso. Saiba mais.

  • Orientação de experts 24/7

    Envie suas perguntas e nós responderemos, dia e noite. Saiba mais.